QUAL A MELHOR FORMA DAS CRIANÇAS APRENDEREM INGLÊS?

YZG | Geral
Campanha 70 anos

05

MAR

É comum encontrar pais que ficam em dúvida sobre o aprendizado de inglês dos seus filhos. Qual a idade ideal para iniciar os estudos, qual a melhor metodologia, quais os benefícios do desenvolvimento de uma criança em outro idioma, entre outros questionamentos.

No texto de hoje, te mostraremos algumas formas de ensinar inglês para as crianças e os benefícios dessa prática. Fique conosco e confira!

Existe idade certa para começar a estudar?

Uma das dúvidas mais comuns que os pais e responsáveis têm é se existe uma idade ideal para começar a estudar inglês. Essa incerteza se deve ao fato de que muitas pessoas pensam que o aprendizado de um outro idioma pode prejudicar o desenvolvimento da nossa língua nativa na infância.

Mas é preciso compreender que as crianças que passam a ter contato com um novo idioma verão conteúdos compatíveis com a idade delas, ou seja, uma criança de 3 ou 4 anos, por exemplo, não estudará profundamente a gramática inglesa, mas partes da língua que sejam acessíveis a ela. Nessa idade é interessante começar com um processo de aprendizado dos sons e de poucas palavras para que ela se familiarize com o inglês.

Além disso, o aprendizado de inglês ainda na infância pode contribuir para a formação mais ampla do estudante, no sentido de auxiliar as crianças a desenvolver a capacidade de ter pensamento crítico e uma visão mais abrangente sobre diversos assuntos.

Ensino lúdico

As crianças têm um interesse maior pelas atividades que as fazem estar em movimento ou que despertem o lado lúdico delas. Dessa forma, adote algumas práticas com essas características para ajudar os pequenos a compreender a língua inglesa.

Brincadeiras, como caça ao tesouro, stop, jogos de tabuleiro, dança das cadeiras, bingo e caça-palavras, são boas alternativas para misturar o aprendizado e a diversão. Esse tipo de prática cria uma relação saudável entre a criança e o novo idioma, pois ela faz associações de momentos legais e animados com o que ela aprendeu.

Sendo assim, não deixe de estimular o estudo através das atividades lúdicas e de brincadeiras que despertam o interesse dos pequenos.

Contato regular com o idioma

Outro fator importante que contribui para um melhor processo de aprendizagem é a criança ter contato com o inglês regularmente, seja nas brincadeiras, seja ouvindo músicas, assistindo a desenhos etc. 

O fato é que a repetição faz com que os conteúdos sejam gravados com mais naturalidade, pois estarão sempre precisando acessar as memórias recentes, evitando que a maior parte do conteúdo aprendido caia no esquecimento.

Desenhos

Dependendo da idade da criança, é possível acrescentar um maior grau de dificuldade ao estudo de inglês. É evidente que a ideia não é transformar as crianças em pessoas fluentes no idioma ainda na infância, porém não é preciso esperar que ela chegue à adolescência para apresentá-la a uma nova língua.

Portanto, aos poucos e de maneira sutil, experimente mesclar desenhos dublados e desenhos com áudio em inglês para que seu filho se entretenha. A princípio você pode colocar alguns episódios que ele já tenha visto em português para agora assistir em inglês.

Essa ideia estimula a criança a manter o seu raciocínio lógico sempre em desenvolvimento, fazendo-a criar associações com aquilo que já havia assistido e com o que está ouvindo novamente, desta vez em outra língua.

Histórias em inglês

A leitura é um hábito enriquecedor para as crianças, por isso é tão importante que seja incentivado. Além de aproximar o leitor do mundo literário, levá-lo para um outro universo, despertar a criatividade e ampliar o vocabulário, a leitura possibilita que as crianças conheçam também a estrutura gramatical de um idioma. Pode ser que elas não façam uma análise consciente disso, mas certamente os padrões são armazenados no cérebro.

Por isso, inclua na rotina de leitura do seu filho alguns livros e histórias em inglês, mas tome cuidado para não forçar uma situação de aprendizado ou sugerir obras que sejam de um nível diferente do dele, pois isso pode desestimular a criança.

Conclusão

Como vimos, a prática do inglês na infância é muito benéfica e não se limita apenas ao aprendizado formal de um novo idioma. Essa rotina de estudo contribui para uma formação mais adequada às exigências do mundo, que se preocupa com as ligações entre os povos, o pensamento coletivo, o raciocínio lógico e a capacidade de enxergar diferentes pontos de vista.

Está interessado em acompanhar mais conteúdos relacionados a inglês na infância? Então acesse o blog do Yázigi e confira os nossos materiais.

Venha para o Yázigi!

Aprenda inglês com quem pensa como você. Escolha a unidade mais próxima, junte-se ao Yázigi e torne-se um Cidadão do Mundo!

Twitter Tweetar
Facebook Compartilhar
WhatsApp Enviar
©Yázigi Todos os direitos reservados.
Av. João Scarparo Netto, 84 Condomínio Unique Village - Santa Genebra 13080-655 - Campinas/SP
Pearson - Always Learning