QUAL É A LÍNGUA MAIS DIFÍCIL DO MUNDO?

YZG | Cultura

06

AGO

“Por que aprender um novo idioma é tão difícil?”. Se você está estudando inglês ou espanhol, provavelmente já se pegou fazendo essa pergunta em um momento repleto de dúvidas! Mas calma, não há motivos para ficar preocupado e acreditar que seus estudos não darão resultados. Na verdade, existem sim alguns idiomas que são realmente muito complexos para os brasileiros. Ficou curioso? Nós te explicamos o porquê! Confira. 

Por que pode ser difícil aprender um idioma?

Aprender a falar um novo idioma pode parecer uma tarefa difícil, mas em alguns casos os estudos podem realmente ser desafiadores. Isso significa que se tornar fluente em um idioma pode ser mesmo complicado, principalmente se a língua que você escolher for muito diferente do seu idioma nativo e também estiver distante na árvore genealógica que deu origem às línguas faladas no mundo. Por isso, quanto mais próximo um idioma for da sua língua de origem, mais fácil será aprendê-lo. 

Seguindo esse raciocínio, é correto afirmar que um brasileiro terá facilidade para aprender espanhol e vice-versa, porque ambas as línguas têm raízes latinas e usam o mesmo alfabeto. O mesmo vale para os falantes do inglês que buscam aprender alemão, já que os dois idiomas têm origem germânica. Mas por outro lado, se um brasileiro deseja aprender mandarim, o processo pode ser um pouco complicado. 

Outro ponto que pode tornar o aprendizado de um novo idioma mais difícil é a pronúncia. Alguns alunos podem ter grande dificuldade para oralizar os sons de alguns fonemas estrangeiros, uma vez que eles podem diferir bastante da fonética da língua portuguesa. 

Afinal, quais os idiomas mais difíceis de aprender?

Existem muitos idiomas que podem ser desafiadores para os falantes nativos brasileiros, e aqui você confere as principais diferenças de três deles: russo, mandarim e árabe. 

Russo

O russo está entre os idiomas considerados difíceis para o aprendizado dos brasileiros! A primeira grande diferença da língua está em seu alfabeto, chamado de alfabeto cirílico. De maneira geral, ele é formado por caracteres e letras que conhecemos, mas também inclui outros que são incomuns para nós. No entanto, apesar de esses caracteres soarem familiares, sua sonorização é diferente. A letra B, por exemplo, tem som de V na língua russa.

Ainda, o idioma tem muitas consoantes juntas em uma mesma sílaba, característica que pode deixar os falantes não nativos confusos quanto à pronúncia correta das palavras. Outra questão que costuma deixar os estudantes inseguros é que o russo costuma omitir o verbo “ser”. Dessa maneira, as frases podem trazer apenas a pessoa e os complementos, e estar gramaticalmente corretas. Curioso, não é mesmo?

Mandarim

Você sabia que uma das línguas mais difíceis de se aprender é também um dos idiomas mais falados ao redor do mundo? Segundo o site Ethnologue, o mandarim é falado por cerca de 1 bilhão de pessoas! Surpreendente, né? No entanto, a língua é considerada desafiadora por muitos motivos. Primeiro, o alfabeto desse idioma é diferente do alfabeto latino. Por isso, quem deseja se tornar fluente em mandarim precisa de muito estudo, já que é necessário memorizar milhares de caracteres bem diferentes.

Além disso, o formato escrito do idioma não tem uma semelhança fônica, diferente do que costuma acontecer em outras línguas. E para complicar um pouco mais, o mandarim também é considerado uma língua tonal, ou seja, uma palavra pode ser escrita de maneira idêntica, mas a sua pronúncia pode alterar completamente o significado. A palavra “ma”, por exemplo, pode significar “mãe” ou “cavalo”. 

Árabe

O árabe está entre as línguas que são muito faladas ao redor do mundo, mas são difíceis de serem aprendidas. Uma das maiores dificuldades do idioma é que ele possui muitas variações orais, o que significa que ele pode ter características próprias em determinadas regiões ou países do mundo. Portanto, antes de dar início aos seus estudos, é muito importante que você escolha um dialeto específico para aprender. 

A língua árabe também possui um alfabeto diferente do alfabeto latino. No entanto, são apenas 28 caracteres - muito menos do que no mandarim, certo? ;) Porém, ainda é necessário muita dedicação! As letras podem mudar de forma dependendo de onde elas estão em uma palavra, e as vogais são sempre omitidas quando as palavras são escritas, um detalhe que pode tornar o aprendizado, a leitura e a tradução desafiadores. Ainda, as palavras e frases são escritas da direita para esquerda, sentido contrário daquele que usamos no português, uma característica que pode nos deixar muito confusos. 

E você, sonha em aprender a falar um desses idiomas? Na sua opinião, qual deles é o mais difícil de ser aprendido? É claro que as suas estruturas são bem diferentes do português, mas isso não quer dizer que é impossível! Para dominar uma dessas três línguas, ou mesmo o inglês e o espanhol, são necessários muito estudo, dedicação e prática. :)

Se você curte curiosidades sobre o mundo, aproveite a visita ao nosso blog e leia também:

10 ruas pelo mundo que você precisa conhecer

Conheça os países mais sustentáveis do mundo

Venha para o Yázigi!

Aprenda inglês com quem pensa como você. Escolha a unidade mais próxima, junte-se ao Yázigi e torne-se um Cidadão do Mundo!

Tweetar
Compartilhar
+1
©Yázigi Todos os direitos reservados.
Av. João Scarparo Netto, 84 Condomínio Unique Village - Santa Genebra 13080-655 - Campinas/SP
Pearson - Always Learning