AS MAIORES ONGS DE AJUDA HUMANITÁRIA DO MUNDO

YZG | Cultura

20

JUL

As Organizações Não Governamentais (ONGs) fazem um trabalho muito importante no mundo. Ajudar a desenvolver regiões, trazer acesso à informação para lugares distantes, dar apoio em caso de desastres naturais, ensinar crianças e ajudar em trabalhos de preservação do meio ambiente são alguns exemplos dos objetivos buscados diariamente por diversas pessoas ao redor do mundo. Que tal conhecer as maiores organizações que trabalham para fazer do mundo um lugar melhor?

Médicos sem fronteira

Talvez a organização humanitária sem fins lucrativos mais conhecida mundialmente, a Médicos Sem Fronteiras (MSF) leva cuidados médicos a áreas que foram afetadas por crises humanitárias como guerras, desastres naturais e epidemias.

Foi criada em 1971 por médicos e jornalistas preocupados com a falta de gerência humanitária em situações graves como desastres naturais e guerras após prestarem serviço voluntário em Biafra, na África. Hoje a organização está presente em mais de 70 países oferecendo assistência e cuidados a quem mais precisa.

Algumas das crises nas quais o MSF esteve presente ativamente nos últimos anos foram o Terremoto no Haiti (2010), a Guerra da Síria (2011), o Tufão nas Filipinas (2013), a Epidemia de Ebola na África ocidental (2014), Conflito do Iêmen (2015) e Terremoto no Nepal (2015).

Veja como ajudar

BRAC

Criada originalmente para ajudar as vítimas do tufão de 1970, a ONG sediada em Bangladesh é a organização com maior número de colaboradores atualmente. Procurando primordialmente combater a pobreza, estima-se que a BRAC tenha ajudado cerca de 150 milhões de pessoas na África e na Ásia.

Seu criador, Fazle Hasan Abed, de 81 anos, ganhou o Prêmio Mundial de Alimentação em 2015 por seu trabalho ativo de diminuição da pobreza em Bangladesh e diversos outros países.

Abed considera que a pobreza não é fruto apenas da falta de renda, mas também da falta de oportunidades, saneamento básico, sistemas de saúde inexistentes e outros fatores. Por esse motivo, os principais focos de ação da organização ao longo de todos esses anos foram os direitos humanos, empoderamento social e econômico, educação, saúde, sustentabilidade ambiental e empreendedorismo.

Veja como ajudar

Mercy Corps

Mercy Cops é uma organização de ajuda humanitária focada em oferecer ajuda a pessoas em um período de transição após desastres naturais, colapsos econômicos ou conflitos. Procuram aliviar o sofrimento, a pobreza e a opressão das pessoas, ajudando-as a construir comunidades seguras, produtivas e justas.

Fundada em 1979 com o nome de Save the Refugees Fund, a organização arrecadou US$1 milhão para ajudar os refugiados do Camboja que fugiam dos horrores dos chamados “killing fields”. Na década de 80, a ONG se estabeleceu, mudou de nome e continuou a trabalhar em projetos de redução da pobreza e ajuda a pessoas em áreas instáveis.

Recentemente, esteve presente após desastres naturais como o Tsunami do Oceano Índico (2004), o Furacão Katrina em Nova Orleans, nos EUA (2005), e o Terremoto no Haiti (2010). Hoje, atua em mais de 40 países e continua a trazer ajuda a milhões de pessoas.

Veja como ajudar

Save the Children

Criada em 1919, frente às consequências da Primeira Guerra Mundial, que afetou profundamente a vida de milhões de crianças na Europa. A organização se consolidou ao longo do tempo e participou ativamente de processos como a Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança, em 1989.

A organização acredita que toda criança merece um futuro melhor e que, para isso, precisamos prover um começo de vida saudável, oportunidades de estudo e proteção constante. Hoje a ONG atua em mais de 120 países ao redor do mundo.

Veja como ajudar

As pequenas ONGs e o trabalho voluntário no exterior

Tão importante quanto as organizações grandes e já bem estabelecidas são as pequenas ONGs locais que trabalham diretamente com as comunidades nas quais estão inseridas. E elas normalmente criam parcerias com grupos especializados em conectar pessoas interessadas em realizar trabalho voluntário e organizações que precisam desse trabalho. E, diferente de organizações como Médicos Sem Fronteiras, que precisam de pessoas especializadas, essas ONGs aceitam gente de todo tipo e de todas as áreas de atuação.

Trabalhos voluntários são uma oportunidade de crescimento não somente para as pessoas e regiões beneficiadas, mas também para os próprios voluntários. A carga cultural adquirida por alguém imerso em uma cultura completamente diferente é algo extremamente valioso e pode mudar seu modo de ver o mundo de forma bastante radical.

E, apesar de não ser um trabalho remunerado, os ganhos com essa experiência são tão grandes que muitas pessoas preferem fazer isso a fazer um intercâmbio, por exemplo. Mas lembre-se, trabalhos voluntários são, acima de tudo, um trabalho. E apesar de algumas organizações arcarem com os custos de seus voluntários, isso não significa algum tipo de “férias gratuitas”. É preciso trabalhar duro.

Se você se interessa por trabalhos voluntários no exterior, não deixe de correr atrás disso! O voluntariado é muito enriquecedor e pode trazer amigos e experiências para toda a sua vida.

Venha para o Yázigi!

Aceite o Desafio Yázigi e tenha o domínio de idiomas necessário para explorar e conhecer o mundo! Inscreva-se no site e concorra a uma experiência internacional por mês.

Tweetar
Compartilhar
+1

Cursos Relacionados

CRIANÇAS

03 a 10 anos


CONHEÇA >

ADOLESCENTES

11 e 12 anos


CONHEÇA >

PRÉ-ADOLESCENTES

11 e 12 anos


CONHEÇA >

JOVENS E ADULTOS

A partir dos 13 anos


CONHEÇA >

ADULTOS

A partir dos 18 anos


CONHEÇA >

Y-Books Relacionados

©Yázigi Todos os direitos reservados.
Av. João Scarparo Netto, 84 Condomínio Unique Village - Santa Genebra 13080-655 - Campinas/SP
Pearson - Always Learning