3 CURIOSIDADES SOBRE O VALENTINE’S DAY QUE VOCÊ NÃO SABIA

YZG | Cultura

14

FEV

Embora pouco popular no Brasil, com certeza você já ouviu falar sobre o dia de um santo que faz muito sucesso em alguns países de língua inglesa, como nos Estados Unidos: Saint Valentine é homenageado dia 14 de fevereiro no Valentine’s Day, uma data para celebrar o amor, como o nosso dia dos namorados, em junho.

Para você entrar no clima do amor, levantamos algumas curiosidades sobre essa data que provavelmente você não sabia. Confira:

St. Valentine realmente existiu?

Embora popularmente celebrado, há questionamentos sobre a real existência deste mártir. A festa em homenagem ao santo no dia 14 de fevereiro existe desde o século 5 d.C. e foi instituída pelo papa Gelasio I, que em decreto explicava ser uma celebração àqueles "cujos nomes são venerados pelos homens, mas cujos atos só Deus conhece", pois nunca se teve certeza sobre sua identidade.

Em 1969, a Igreja Católica deixou de celebrar a data por não saber exatamente de quem se tratava. Existiam três candidatos com o mesmo nome: dois deles eram bispos e foram sepultados em diferentes locais de Roma, já o terceiro teria sido morto na África. Como existiam poucos dados e todos datados de períodos posteriores à existência dos concorrentes, a Igreja Católica considerou que as informações não tinham fundamento suficiente.

Por que o Brasil não comemora essa data?

O Valentine’s Day é celebrado em diversos países como China, Irlanda e Alemanha, por exemplo. Mas por que no Brasil o dia dos namorados é comemorado em junho? Até 1949, os brasileiros não tinham um dia estabelecido para esta celebração. Tudo começou com a ideia de um publicitário para alavancar as vendas de uma loja para qual prestava serviços.

O mês de junho costumava ser um dos piores para o mercado e o funcionário da agência Standard Propaganda, João Dória (vale ressaltar que não se trata do atual prefeito de São Paulo, mas sim de seu pai), na missão de criar uma campanha de sucesso, associou a data já comemorada no hemisfério norte à proximidade com o dia de Santo Antônio – o santo casamenteiro – e lançou a campanha “não é só de beijos que vive o amor”, com apoio da Confederação do Comércio de São Paulo. A campanha funcionou e a data foi adotada, primeiro em São Paulo e depois se espalhou por todo país.

O responsável: cupido

O símbolo do Valentine’s Day é o cupido, representado por um pequeno garoto alado, que carrega um arco e flechas de coração, responsável por espalhar o amor e juntar casais. Seu nome original é Eros, o deus grego do amor, denominado “Cupido” pela mitologia romana. Ele vivia com sua mãe, deusa Vênus, e seu pai, o deus Marte.

Na terra, havia uma princesa de beleza extraordinária chamada Psiquê, que atraía pessoas de todos os lugares para admirá-la. A jovem passou a incomodar a vaidosa deusa Vênus, que estava perdendo adoradores. Como punição, a deusa enviou à mortal uma profecia dizendo que ela se casaria com a mais horrenda criatura do universo e designou seu filho Cupido para flechá-la e fazer com que a profecia se cumprisse.

Ao chegar perto de Psiquê, Cupido se encantou com tamanha beleza e, sem querer, acabou acertando a flecha em si mesmo, ficando assim, totalmente apaixonado por ela. Sem ter cumprido a missão e sonhando com a amada, voltou para casa e pediu para Zéfiro – o vento oeste – que a trouxesse para o palácio em que vivia.

A garota estava curiosa por conhecer o pretendente que era invisível aos seus olhos. Certa noite, ela conseguiu enxergá-lo adormecido e ficou fascinada, mas em um descuido o acordou e ele, assustado, desapareceu. Todo o encanto acabou e, como em um passe de mágica, o palácio e toda a beleza acabaram, ficando um local árido e deserto.

Triste, Cupido suplicou para Júpiter, o senhor dos deuses, que devolvesse sua amada. Sensibilizado com o pedido, Júpiter mandou buscar a princesa e concedeu-lhe a imortalidade. Depois disso, até mesmo Vênus se rendeu por ver seu filho tão feliz e o casal viveu sua imortalidade com quem mais amavam.

E aí, gostou das nossas curiosidades sobre o Valentine’s Day? Aqui no Yázigi você aprende a cultura dos países, aperfeiçoando e vivenciando o idioma dentro da sala de aula. Procure a escola mais próxima e venha para o Yázigi!

Tweetar
Compartilhar
+1
©Yázigi Todos os direitos reservados.
Av. João Scarparo Netto, 84 Condomínio Unique Village - Santa Genebra 13080-655 - Campinas/SP
Pearson - Always Learning

Cadastre-se e ganhe uma aula grátis!